Kadmirra

Sincretismo bem costurado

Tanto composições, quanto o modo como o álbum foi produzido, remetem à como os “Aeromoços” concebem seus trampos e forma de viver. Foi todo gravado e produzido pelos próprios integrantes no estúdio do Aparelho Coletivo. A arte remete ao conceito babilônico do disco e também foi feita de forma colaborativa, através de um edital aberto na rede mundial, onde outro são carlense foi contemplado: Marky Wildstone baterista da já consolidada e também instrumental The Dead Rocks.

Thiago “Hard” (sax e guitarra), Juliano Parreira (baixo), Gustavo (teclados) e Nilo Mortara (bateria) somado aos samples do marciano onipresente “Jovem” Palerosi, conseguiram um sincretismo bem costurado em “Kadmirra”. Editado quase como uma mixtape, as diversas influências de cada integrante se mostram nas 9 faixas escolhidas pro disco. Samba-pop com rock progressivo psciodélico e pitadas “oitentistas” percorrem com maestria esse primeiro trampo dos caras.

Lançamento: 2011

Produção e gravação: ATR e Jovem Palerosi no estúdio Aparelho Coletivo (São Carlos – SP)

Mixagem: Jovem Palerosi e Gustavo Koshikumo

Masterização: Leornardo Nakabayashi no estúdio Banzai (São Paulo – SP)

Arte: Maurício Dotto Martucci

  • Release Date : 2011

  • Producer : ATR e Jovem Palerosi

  • Label : Aparelho Coletivo

Informações